Nossa Razão

Por Que Vamos a Lugares Ainda Não Alcançados Pelo Evangelho

Pela Necessidade

Nosso único objetivo é apressar a volta de Cristo, dando a oportunidade a quem nunca ouviu de Jesus de vir a conhecê-Lo e se tornar um discípulo. A instrução divina é clara: devemos levar o evangelho a toda nação e tribo e língua e povo (Apocalipse 14:6). Só então virá o fim.

Há por volta de 7.000 povos que ainda não ouviram o evangelho espalhados por este mundo, o que representa mais de 2 bilhões de pessoas.

De cada mil missionários servindo além mar, somente quatorze estão trabalhando com povos não alcançados pelo evangelho.

De cada 100 dólares que são doados para o ministério das missões ao redor do mundo, somente 1 centavo é destinado a estes povos.

Você acha que esse status quo é aceitável? Esses grupos em geral estão isolados por barreiras geográficas, linguísticas e pelo preconceito. Eles não tem acesso ao evangelho porque não há cristãos vivendo no meio deles. 86% desse grupo está na Janela 10/40, que vai desde o leste da África até o Sudeste da Ásia, entre 10 e 40 graus de latitude norte.

Nossa Abordagem

A AFM trabalha entre os povos que não tem presença adventista. Depois que uma fundação sólida é estabelecida, nossos missionários começam a discipular e treinar os novos conversos para levar a obra adiante.

Este modelo evangelístico não apenas fortalece os membros nativos, como também possibilita o crescimento da igreja adventista em lugares onde ela não podia entrar antes. Muitas áreas onde a AFM trabalha são altamente resistentes à igreja adventista por razões sociais, étnicas e políticas. Nossa abordagem quebra barreiras e permite o crescimento exponencial. Quando um projeto da AFM é concluído, as igrejas estabelecidas são entregues para a Associação local e sua liderança.